Sinto muito. Mas, meu coração está fechado pra balança. Nada que é novo entra, nada que é velho sai. Ainda estou avaliando o que é útil, e o que posso jogar fora, ainda estou descobrindo se vale a pena ou não manter certos sentimentos, certas recordações, certas mágoas.
Tem gente que acha que coração não transborda, mas o meu está meio limitado ultimamente.. Tenho que organizar. Meu coração, minha vida, meus rumos. Me encontro transitando em minha mente, procurando respostas, renovando conceitos, excluindo perguntas, e lançando novos questionamentos.
Minha nostalgia às vezes inventa de me atrapalhar, e com frequência meu apego me impede de jogar fora certos detalhes, não tem sido fácil, mas vou conseguir. Estou em um momento totalmente egoísta, e não quero ser incomodada. Obrigada.

Deixe um comentário